GCMV resgata morador de rua em situação desumana no bairro Jardim Andere



Na manhã de quinta-feira (19/11) a Guarda Civil Municipal de Varginha resgatou um morador de rua em situação desumana, acampado em um terreno no bairro Jardim Andere. A denúncia que levou os agentes da GCMV até o local se tratava de maus tratos a um cachorro, por esse motivo os mesmos foram ao local acompanhados de uma funcionária do Centro de Zoonoses.

Ao chegarem ao local, entretanto, os GCMs se depararam com outra situação. "Um homem em uma situação completamente desumana, morando em um barraco e vivendo da renda de alguns materiais recicláveis", afirmou um dos agentes.



Bem abatido, o homem começou a contar sobre sua vida para os GCMs e pediu ajuda, relatando que queria sair daquela situação. O mesmo disse ter sido abandonado pela família. Os agentes da GCMV acionaram o Centro Pop - Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua.

Uma funcionária foi até o local, conversou com o homem e ele foi encaminhado ao Centro Pop, onde recebeu atendimento médico, psicológico, roupas novas e alimentação adequada.

Com ele também foi encontrada uma cachorra adulta e um filhote, que foram encaminhados para o Centro de Zoonoses para receber todos os cuidados de um veterinário.


Carreta fica atravessada na Avenida Almirante Barroso; GCM controla o trânsito


Uma carreta não conseguiu fazer uma manobra e acabou travando o trânsito na Avenida Almirante Barroso, na manhã de sexta-feira (13/11). Parte da carga de madeira caiu do veículo e ficou espalhada pela via.

A Guarda Civil Municipal de Varginha foi acionada e esteve no local para ajudar na ocorrência e controlar o trânsito até a retirada do veículo e a remoção da carga.

Os motoristas que passaram pela avenida, uma das mais movimentadas de Varginha, que liga o centro à saída para Três Pontas, tiveram que seguir um desvio feito pela GCMV.

GCMV prende homem em flagrante furtando imagem no Cemitério Municipal



A Guarda Civil Municipal de Varginha prendeu um homem furtando uma imagem no interior do Cemitério Municipal de Varginha, na tarde de quinta-feira (12/11).
 
Funcionários do cemitério entraram em contato com a GCMV e alertaram que um homem estava furtando uma imagem de um dos túmulos. Imediatamente equipes da Guarda realizaram o cerco e conseguiram abordá-lo. Há alguns dias o suspeito já vinha sendo monitorado pela GCM.


Durante conversa com os agentes ele negou o crime, mas após ser apresentada uma foto onde ele teria sido flagrado cometendo o furto, o mesmo resolveu falar a verdade e levou os GCMs até o local onde escondeu a imagem. 

 O homem foi preso e conduzido para a Delegacia da Polícia Civil, onde o flagrante foi ratificado e, em seguida, ele foi encaminhado para o presídio.


GCMV presta apoio ao Setor de Zoonoses na campanha de vacinação antirrábica


A Secretaria de Saúde de Varginha, por meio do Setor de Zoonoses, iniciou neste domingo (13/09) a campanha de vacinação antirrábica. Os agentes da Guarda Civil Municipal de Varginha prestaram apoio em diversos pontos de imunização.

A campanha segue nos dias 20 e 27 de setembro, na zona urbana, e nos dias 04, 18 e 25 de outubro, na zona rural. O setor de Zoonoses estará disponível para atender as duvidas pelos telefones 3223-7970 e 3690-2276 (Bem Estar Animal).


A raiva
A raiva é um vírus zoonose, ou seja, que pode ser transmitido do animal para o homem. Ainda que seja considerada incomum nos dias de hoje, ainda gera muitas preocupações para amantes de bichinhos de estimação, pois é fatal em quase 100% dos casos.

Essa doença contagiosa é transmitida através da saliva de animais contaminados, por isso, sua principal forma de propagação é a mordida. Tanto nos animais quanto em pessoas, o vírus pode ficar encubado por até duas semanas até que os sintomas surjam, sendo a agressividade mais notável.

Covid-19: GCM de Varginha recebe doação de materiais de proteção da Senasp


O Ministério de Justiça e Segurança Pública, por meio da Secretaria Nacional de Segurança Pública – Senasp, disponibilizou materiais de proteção e higiene contra a Covid-19 às Guardas Civis Municipais de todo o Brasil. A GCM de Varginha foi uma das beneficiadas, com a doação de luvas, máscaras e frascos de álcool em gel.

De acordo com a Senasp, a doação tem por finalidade o fortalecimento das políticas de segurança pública junto aos municípios, em auxílio às GCMs, com ações necessárias ao combate emergencial dos efeitos decorrentes da pandemia de Covid-19.

A Guarda Civil Municipal de Varginha foi beneficiada com 4.410 máscaras cirúrgicas, 176 frascos de álcool em gel (500 ml) e 44 caixas de luvas de diferentes tamanhos, que totalizam 4.400 unidades.

Os materiais foram retirados pelos agentes da GCMV, nesta quarta-feira (29/07), no almoxarifado da Subsecretaria de Inovação e Logística da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública - Sejusp, em Belo Horizonte.

Segundo o comandante da Guarda Civil Municipal de Varginha, Gerson Alves da Trindade, os materiais doados pela Senasp vêm se juntar aos que foram adquiridos ao longo da pandemia pela corporação, afim de garantir a segurança dos agentes no exercício de suas funções e, consequentemente, a segurança da população varginhense.

GCMV monta operação de trânsito para suprir interrupção de energia devido à obra da Cemig



Devido a uma obra de manutenção realizada por uma empresa terceirizada da Cemig, parte da Avenida Princesa do Sul, da BR-491 e arredores da rotatória que dá acesso as avenidas do Contorno, Manoel Vida e Celina Ferreira Ottoni, teve o fornecimento de energia interrompido durante toda a tarde desta quarta-feira (22/7).

Por esse motivo, a Guarda Civil Municipal interveio no local, controlando todo o trânsito, com fechamento de vias e direcionamento dos motoristas para vias alternativas, já que os semáforos estavam desligados. Também foi necessária a interdição do trevo do Automóvel Clube. Congestionamentos chegaram a se formar nas proximidades.



Grande parte do efetivo operacional da Guarda Civil foi deslocada para o local, para auxiliar e orientar os motoristas que por lá passavam e para tentar minimizar os impactos da obra na rede elétrica. O trânsito só foi normalizado no início da noite, com o fim da obra e o restabelecimento da energia.